Como usar sua Mandala Lunar • How to use your Moon Mandala



•ENGLISH BELOW•

“Muitas vezes tememos que a revolução necessária seja grande demais para o que podemos oferecer.

Muita mudança é necessária dentro, fora.

E nós somos muito pequenos.

Mas tudo o que é necessário é que você pise na verdade da sua vida.

E fale, escreva, pinte, dance.

Que você brilhe sua luz em sua verdade, para o mundo ver.

E quando centenas, depois milhares e depois milhões fazem isso – cada um gerando a coragem de ser ainda mais –

De repente, temos um mundo iluminado pela verdade.”

Lucy H. Pearce



Como preencher a Mandala Lunar


Para homens e mulheres que não menstruam:

A mandala está dividida em 28 partes que representam as fases da lua. A lua preta representa a lua nova e a lua branca representa a lua cheia. Utilize o anexo calendário lunarpara preencher a data no espaço correto de acordo com a fase da lua. Digamos que você comece a preencher sua mandala no dia 12 de abril e a data mais próxima a essa no anexo calendário lunar é dia 15 de abril que será lua nova. Procure a lua nova na sua mandala e conte 3 casas para trás (percebendo o direcionamento das setas). Comece a preencher sua mandala lunar a partir dessa casa!


Para mulheres que menstruam:

A mandala está dividida em 28 partes que representam as fases da lua. A lua preta representa a lua nova e a lua branca representa a lua cheia. Você deve começar a preencher a mandala no seu primeiro dia de sangramento até o final do seu ciclo (que terminará no primeiro dia do seu próximo sangramento). Caso seu ciclo seja maior do que 28 dias, utilize mais uma mandala para continuar o mapeamento. O dia que você recebe o sangue menstrual é considerado o dia 1 do seu ciclo e deve ser escrito na area intitulado dia”.  Utilize o anexo calendário lunar para saber qual é o espaço correto para começar a preencher sua mandala. Digamos que você recebeu seu sangue menstrual no dia 24 de abril. De acordo com o calendário lunar, a data mais próxima a essa é dia 22 de abril que foi lua crescente. Identifique onde está a lua crescente na sua mandala e ande duas casas para frente (perceba o direcionamento das setas). Marque aquele espaço como dia 1 e comece a preencher sua mandala a partir daí. Se preferir, anote o dia do seu ciclo e a data também.  Os espaços ao lado da lua podem ser coloridos de vermelho nos dias de menstruação e de amarelo e laranja, por exemplo, para distinguir a textura do seu muco vaginal. Use sua criatividade e crie legendas que funcionam para você. O importante é a auto-obeservação e auto-estudo.


Para todos:

• Documente suas oscilações físicas, emocionais e mentais nas áreas intituladas “físico”, “emocional”e “mental” respectivamente. Ao reparar seus padrões dominates, sinta-se livre para usar a sua criatividade e criar suas próprias legendas. Vale tudo, coraçõeszinhos pintados de formas diferentes ou desenhados de tamanhos diferentes para representar seu apetite sexual e suas variações; vale desenhar um sol que representa intensa felicidade ou ondas que representam interiorização, por exemplo. O importante é a consciência sobre os seus próprios padrões e como eles flutuam durante o ciclo lunar.

• É aconselhavél que você preencha sua mandala lunar por pelo menos 3 meses (3 ciclos) para reparar os seus padrões. Divida a sua mandala em 4 partes (que representam as fases da lua, os ciclos da natureza e etc.) e perceba quais padões físicos, mentais e emocionais são predominantes em cada fase. A partir desse estudo, utilize sua ciclicidade a seu favor e não contra você. Por exemplo: se sua energia está baixa na lua nova, evite marcar de sair para dançar com os seus amigos e escolha ir ao cinema; Se suas idéias não estão claras na lua minguante, evite marcar aquela reunião importante e se não for possível evitâ-la, tenha consciência e aceite que você precisará de mais tempo para assimilar as informações.

• A mandala lunar é uma ferramenta poderosíssima de reconexão e auto-cura, por isso é importante que esse seja um momento de amor-próprio, reflexão e cuidado consigo. Esteja presente ao preencher sua mandala, crie um pequeno ritual (se assim desejar) antes de preenchê-la, conecte-se consigo e esteja presente naquele momento de observação e aceitação de quem você é. Esse é um momento seu e só seu. A consistência no preenchimento da sua mandala é essencial para que você se beneficie inteiramente dela, portanto guarde-a em um lugar de fácil acesso!


Faça o download da sua Mandala da Lua, do Calendário Lunar e das sugestões de padrões a serem observados aqui





“We often fear that the Revolution needed is too big for what we can give. Too much change is required inside, outside. And we are too small. But all that is required is that you step into the truth of your life. And speak it, write it, paint it, dance it. That you shine your light on your truth, for the world to see. And as hundreds, then thousands, then millions do this – each sparking the courage of yet more – Suddenly we have a world alight with truth.” Lucy H. Pearce


How to fill in the Moon Mandala


For men and women who do not menstruate:

The mandala is divided into 28 parts that represent the phases of the moon. The black moon represents the new moon and the white moon represents the full moon. Use the moon calendar attachment to fill the date in the correct space according to the moon phase. Let’s say you start filling out your mandala on April 12 and the closest date to that on the moon calendar attachment is April 15 that will be new moon. Look for the new moon in your mandala and count back 3 houses (noticing the direction of the arrows). Begin to fill your moon mandala from that house!


For menstruating women:

The mandala is divided into 28 parts that represent the phases of the moon. The black moon represents the new moon and the white moon represents the full moon. You should begin filling the mandala on your first bleeding day until the end of your cycle (which will end on the first day of your next bleed). If your cycle is longer than 28 days, use one more mandala to continue mapping. The day you receive your menstrual blood is considered day 1 of your cycle and should be written in the area entitled “day”. Use the lunar calendar attachment to find out the correct space to start filling your mandala. Let’s say you received your menstrual blood on April 24. According to the moon calendar, the closest date to that is April 22 which was waxing moon. Identify where the waxing moon is in your mandala and walk two houses forward (notice the direction of the arrows). Mark that space as day 1 and start filling your mandala from there. If you prefer, write the day of your cycle and the date as well.

The spaces next to the moon can be colored red on menstruating days and yellow and orange, for example, to distinguish the texture of your vaginal mucus. Use your creativity and create captions that work for you. The important thing is self-obeservation and the study of yourself.


For all:

• Document your physical, emotional, and mental swings in the areas labeled “physical,” “emotional,” and “mental,” respectively. While noticing your dominating patterns, feel free to use your creativity and create your own captions. Everything is valid, little hearts painted differently or drawn in different sizes to represent your sexual appetite and its variations; drawing a sun that represents intense happiness or waves that represent interiorization, for example. The important thing is awareness about your own patterns and how they oscillate during the lunar cycle.

• It is recommended that you fill your moon mandala for at least 3 months (3 cycles) to notice your patterns. Divide your mandala into 4 parts (which represent the phases of the moon, the cycles of nature and etc.) and notice which physical, mental and emotional patterns are prevalent at each stage. From that study, use your cyclicity in your favor and not against you. For example: if your energy is low on the new moon, avoid going out to dance with your friends and choose to go to the movies instead; If your ideas are not clear on the waning moon, avoid scheduling that important meeting and if you can not avoid it, be aware and accept that you will need more time to assimilate information.

• The moon mandala is a very powerful tool for reconnection and self healing, so it is important that this becomes a moment of self-love, reflection and care. Be present when filling your mandala, create a small ritual (if you wish) before filling it, connect with yourself and feel grounded in that moment of observation and acceptance of who you are. This is your moment and yours alone. Constancy in completing your mandala is essential for you to benefit fully of it, so keep it in an easily accessible place!


Download your Moon Mandala, Moon Calendar and Patters to be notice here.

These are only few ideas that can contribute to your mapping.



13 visualizações